Tele-Atendimento:
(62) 99631-6753
E-mail:
contato@simego.org.br
Newsletter
Inscreva-se em nossa newsletter e fique por dentro de nossas novidades.

Em cerimônia virtual, nova diretoria do SIMEGO toma posse para o triênio 2020-2023 
29/06/2020
...
Solenidade de posse Diretoria Triênio 2020-2023
26/06/2020
...
Expediente Corpus Christi
08/06/2020
...
Franscine Leão é reconduzida à presidência do SIMEGO
01/06/2020
...
Carta aberta às autoridades de Saúde de Goiás
24/05/2020

Carta Aberta ao Sr. Governador do Estado de Goiás, aos Srs. Prefeitos Municipal de Goiânia e demais Municípios de Goiás, ao Sr. Secretário de Saúde do Estado de Goiás, aos Srs. Secretários de Saúde do Município de Goiânia e dos demais Municípios de Goiás, aos Profissionais Médicos do Estado de Goiás, aos Gestores da Saúde Suplementar, dos Estabelecimentos de Saúde Públicos e Privados do Estado de Goiás e à toda a Sociedade Goiana.

...
Nota Oficial - Horário de abertura dos consultórios médicos
19/05/2020

O Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás (SIMEGO) vê com preocupação a mudança do horário de abertura dos  consultórios médicos em Goiânia.  De acordo com  o Decreto Municipal 1050, que escalona os horários de funcionamento do comércio, indústria e serviços essenciais na capital goiana, os consultórios médicos só poderão funcionar a partir das 11h30. A publicação foi feita na segunda-feira (18) e as novas regras passam a valer nesta quarta-feira (20). 

 

Sabemos que para evitar aglomerações, principalmente no transporte público, e assim promover o distanciamento social, tão importante neste momento, é preciso que exista um escalonamento no horário de funcionamento de todos os serviços. Contudo, precisamos garantir o acesso da população à assistência médica ambulatorial. Temos percebido um decréscimo muito grande no atendimento dos  pacientes crônicos. Desta forma, a diminuição dos horários de atendimento pode agravar essa situação, pois reduz o acesso da população ao tratamento e pode postergar diagnósticos importantes ou incorrer em agravos de comorbidades pré-existentes, muitas vezes, ocasionando em internações desnecessárias e exposição à Covid-19.

 

As entidades médicas não foram consultadas sobre o horário estipulado para a abertura dos consultórios médicos. O sindicato irá AGIR em favor da categoria e da população. Faremos gestão junto aos gestores municipais para buscar uma alteração para essa determinação. Nossa expectativa é a abertura de canal de diálogo franco e transparente buscando a melhor solução.

 


Franscine Leão
Presidente do Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás

...