Tele-Atendimento:
(62) 3223-3943
E-mail:
contato@simego.org.br
Newsletter
Inscreva-se em nossa newsletter e fique por dentro de nossas novidades.

SIMEGO e entidades promovem "enterro" do Hugo 27/11/2019

Uma transição pouco transparente e temerária. O panorama constituído para que o Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS) assuma a gestão do Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) a partir do dia 1º de dezembro levou à união das entidades sindicais para chamar a atenção para o desmantelamento da estrutura de pessoal da unidade. O Sindicato do Estado dos Médicos no Estado de Goiás (SIMEGO) e outras entidades representativas de servidores da saúde,  promoverão nesta quinta-feira (28), às 8 horas, na porta do hospital, o enterro simbólico do Hugo.


Uma transição pouco transparente e temerária. O panorama constituído para que o Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS) assuma a gestão do Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) a partir do dia 1º de dezembro levou à união das entidades sindicais para chamar a atenção para o desmantelamento da estrutura de pessoal da unidade. O Sindicato do Estado dos Médicos no Estado de Goiás (SIMEGO) e outras entidades representativas de servidores da saúde,  promoverão nesta quinta-feira (28), às 8 horas, na porta do hospital, o enterro simbólico do Hugo.

 

O ato tem por objeto chamar atenção para medidas adotadas pela gestão da Secretaria Estadual de Saúde (SES), que remove 276 servidores efetivos concursados do Hugo - dos quais 32 médicos.

 

Além disso, tanto o INTS quanto a SES não procederam com as negociações com vistas ao atendimento à pauta de reivindicações apresentada pelos médicos e nem sequer se reuniram com os médicos e com a entidade sindical que os representa para debater e deliberar sobre os assuntos pautados e muito menos apresentaram respostas aos ofícios que lhes foram encaminhados.

Compartilhe isso: