Tele-Atendimento:
(62) 3223-3943
E-mail:
contato@simego.org.br
Fotos
Médicos da SES avaliam movimento - 8-12-17

Os médicos que atuam no Hospital e Maternidade Dona Iris (HMDI), contratados pela Fundação de Apoio ao Hospital das Clínicas (FUNDACH) da Universidade Federal de Goiás, sob o vínculo de trabalho pelo regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), decidiram suspender a paralisação que estava marcada para iniciar a partir de zero hora de segunda-feira (23).

 

 

A suspensão ocorreu após a confirmação do pagamento dos salários dos profissionais que se encontrava em atraso. Os médicos celetistas reivindicam a regularização dos pagamentos além de melhores condições de trabalho.

 

 

Rafael Cardoso Martinez, presidente do Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás (SIMEGO), salienta que o sindicato continuará atento e cobrando os direitos dos médicos celetistas do HDMI. “Uma parte da demanda foi atendida, esperamos que os pagamentos sejam feitos regularmente. A categoria continuará mobilizada e não descartamos uma paralisação caso seja necessária”, finalizou.