Tele-Atendimento:
(62) 3223-3943
E-mail:
contato@simego.org.br
Fotos
AGEP médicos ESF c a presença Secretário Municipal de Saúde

O presidente do SIMEGO, Rafael Cardoso Martinez e o assessor jurídico da instituição, Marun Kabalan, se reuniram com o presidente interino do Instituto de Assistência à Saúde e Social dos Servidores Municipais de Goiânia (Imas), Fernando Evangelista da Silva, na manhã desta terça-feira (15), para discutir o não cumprimento do acordo firmado entre as instituições para que a categoria encerrasse o movimento paredista realizado entre os dias 25 de janeiro e 08 de fevereiro.

Fernando Evangelista reiterou as dificuldades enfrentadas pelo instituto para cumprir o compromisso assumido: a Prefeitura de Goiânia não repassou o valor total dos recursos necessários para a quitação das faturas em atraso. Segundo o presidente do Imas 50% das faturas, dos prestadores pessoa física,  do mês de outubro já foram pagas e a expectativa é que ainda esta semana o  pagamento restante seja efetuado. “Temos trabalhado com muita dificuldade. Tivemos uma reunião com a Secretaria de Finanças que nos garantiu o repasse. O objetivo é quitar as faturas de novembro e dezembro rapidamente, mas dependemos da liberação dos recursos”, lamentou.

Rafael Martinez salienta a boa vontade do Imas em realizar o pagamento, contudo  lembra que a solução do problema não depende exclusivamente do órgão. “Sabemos que a culpa não é do Imas, se houver o recurso o pagamento será feito. A situação é bastante delicada pois, os  prestadores  precisam receber pelo  trabalho realizado.  Solicitamos que o presidente apresente novamente uma proposta formal com um cronograma para a quitação dos meses em atraso, bem como,  para a regularização dos pagamentos.  Levaremos a proposta para  a assembleia que será realizada na próxima terça-feira e a categoria decidirá os rumos do movimento”, finalizou.